Fuso-horário internacional

Translate

English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

PÁGINAS

Voltar para a Primeira Página Ir para a Página Estatística Ir para a Página Geográfica Ir para a Página Geopolítica Ir para a Página Histórica Ir para a Página Militar

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

India acusa ONGs dos EUA de orquestrar protestos contra central nuclear de Kudankulam.

Publicado por dinamicaglobal.wordpress.com em 25 de fevereiro de 2012

Protestos contra a construção da Central Nuclear de Kudankulam, India.

O primeiro ministro da Índia, Manmohan Singh, afirmou que por trás dos protestos contra a central nuclear de Kudankulam, construída com a ajuda da Rússia, estão organizações não governamentais dos Estados Unidos, informou nesta sexta-feira (24-02-12) a rede NDTV.
 
Teto em construção do reator na usina nuclear de Kudankulam.
“Este projeto de energia nuclear tem enfrentado dificuldades, porque ONGs, principalmente com sede nos EUA, não compreendem as necessidades do nosso país de aumentar a produção de eletricidade”, declarou Singh em uma entrevista à revista Science.


Ainda que a inauguração do primeiro reator da usina, localizado no estado austral de Tamil Nadu, esteja prevista inicialmente para finais de 2011, teve que ser adiada devido aos incessantes protestos da população local contra a abertura da central.
Usina nuclear em construção em Kudankulam.
No fim de outubro, diversos grupos de manifestantes bloquearam os acessos à instalação, impedindo a finalização das obras.

A central de Kudankulam se constrói sob o acordo de 20 de novembro de 1988 e seu suplementar de 21 de junho de 1998. Em 2002 a empresa russa Atomstroiexport iniciou as obras dos primeiros dois reatores de uma potencia total de 2000 MW.

Por outro lado, o chefe do Governo indiano também acusou às ONGs de estarem contra os alimentos transgênicos.

Segundo o primeiro ministro, “as biotecnologias têm um enorme potencial. E devemos aproveitá-las devidamente para aumentar a produção de alimentos. No entanto, as ONGs, a principio financiadas pelos EUA e os países escandinavos, subestimam as dificuldades do desenvolvimento que afronta nosso país”.

Últimas postagens

posts relacionados (em teste)

Resumo

Uma parceria estratégica entre França e Rússia tra ria benefícios econômicos para a Europa?

SPACE.com

NASA Earth Observatory Natural Hazards

NASA Earth Observatory Image of the Day

ESA Science & Technology